sábado, 3 de dezembro de 2016

Eles não saírão para as ruas por você


Amanhã, 04 de dezembro de 2016, vários supostos movimentos sociais sairão as ruas para supostamente lutar por um Brasil melhor. Esta é a informação oficial segundo as grandes mídias que espalham as notícias por meios como rádios, jornais, revistas e principalmente televisão. 

Mas quem se informar melhor e saber quis movimentos estão organizando as passeatas do dia 04/12, irá se decepcionar. Será uma manifestação de movimentos direitistas, organizados por instituições que representam os interesses das classes dominantes do país. Há inclusive participação de grupos fascistas entre os organizadores. Nenhum dos movimentos realmente sociais, que representam a parte excluída do povo participará do evento de amanhã.

São movimentos formados pelos grupos que lideram a economia do país, pessoas ricas e os não-ricos que as apoiam. São pessoas interessadas em preservar privilégios e manter as estruturas do poder (de todos os tipos, exceto o político, que sejam ver alterado) para que a renda continue concentrada e o país continue submisso aos EUA.

Grupos que defendem valores retrógrados, incluindo o moralismo cristão-medieval, estarão nos protestos contra os avanços sociais. Muitos que ingenuamente torcem pela intervenção militar (eufemismo para "retorno da ditadura militar") estarão em massa nos protestos de amanhã. Todos em nome apenas de suas classes e grupos particulares e dos "heróis" que os defendem. 

A justificativa do desejo de um Brasil melhor é papo furado feito para atrair apoio popular. Os grupos que sairão amanhã não oferecem propostas a não ser as que prejudique os grupos que eles considerem seus opositores. Vamos ficar atentos e perceber que direitistas nunca foram humanistas e desconhecem os bastidores da política, pensando que a prisão de um grupo de corruptos vai acabar com a corrupção. 

Errado! Corrupção se combate alterando bruscamente as estruturas, sobretudo as econômicas e sociais, algo que passa bem longe dos anseios dos manifestantes de amanhã, desejosos pelo golpe que arrasa o país. Corrupção se combate com responsabilidade ética e abnegação e não com justiça arbitrária, agressividade e histeria moralista.

Se você ama o país e os seres humanos, não leve gato por lebre. Os protestos de 04/12/2016 não são legítimos. São integrantes de grupos conservadores interessados apenas em defender interesses particulares. Justificativas nobres são apenas isca para tentar aumentar a quantidade de manifestantes. 

Os que sairão amanhã não estão interessados em um Brasil melhor. Eles querem um Brasil para os mais ricos, que eles pensam ser os "vencedores pela guerra sadia pela sobrevivência". Quem não for rico que se vire para ser e com isso ter permissão para exigir dignidade e direitos essenciais. É este o Brasil que estará sendo reivindicado amanhã. Um Brasil para poucos.

Tempos difíceis estarão por vir para os brasileiros. Se tudo fracassar no Brasil, simples: os manifestantes de amanhã raspam suas gordas contas bancárias e se mandam para Miami ou algum resort distante. Eles tem meios para isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.